quarta-feira, 20 de maio de 2015

A tradicional língua ao molho de ervilha


  Tal receita dita de baixa gastronomia é um de meus pratos preferidos!

De origem que remonta a colonização portuguesa no Brasil - tanto que foi minha avó Iracema que inseriu o meu paladar nos sabores desta iguaria – a língua bovina ao molho de ervilhas continua sendo um dos preparos que mais gosto. Servida acompanhada preferencialmente de arroz ou purê de batata e salada de agrião apenas, a substancialidade desta receita encanta aos mais variados gostos, sendo a simplicidade a sua marca registrada. Muito comum ser encontrada em buffets de restaurantes a quilo – em Santa Cruz o que mais gosto é a do Restaurante Le Chef do Clube União aos sábados - e no a la carte de alguns restaurantes tradicionais  - o Gambrinus no Mercado Público de Porto Alegre é um dos que servem uma fantástica língua. O preparo é simples e exige apenas uma pouco de atenção básica, para que a língua fique macia, saborosa e suculenta, como veremos a seguir na receita completa da Língua ao Molho de Ervilhas.



Ingredientes:
(para 4 pessoas)

Uma língua bovina grande limpa
Uma cebola inteira
Uma folha grande de louro
Uma colher (sopa rasa) de tempero completo
Uma cebola grande picada
Dois tomates maduros (sem peles e sementes) bem picados
Duas colheres (sopa) de manteiga
100 ml de vinho tinto seco
Uma colher (sopa rasa) de maisena dissolvida em ¼ de xícara (chá) de água fria
Algumas colheradas de caldo do cozimento
200g de ervilhas congeladas
Sal e pimenta-do-reino moída na hora à gosto

Preparo:

Em uma panela de pressão coloque a língua com a cebola inteira e o louro. Cubra com água, tampe a panela e leve ao fogo bem baixo, para cozinhar por cerca de 45 minutos para ficar bem macia. Deixe esfriar, reserve o caldo e corte a língua em fatias de cerca de 1cm de espessura. Em uma outra panela, refogue a cebola picada na manteiga, acrescente os tomates picados, sem pele, as ervilhas, o vinho, o caldo e cozinhe em fogo baixo durante uns 20 minutos. Mergulhe as fatias de língua no molho e deixe ferver durante alguns minutos para tomar gosto. Engrosse o molho com a maisena dissolvida. Tempere com sal e pimenta e sirva com arroz branco ou purê de batata. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário